Oração de São Bento – Quem foi São Bento? Como fazer a oração? Para que serve?

São Bento é um popular santo da Igreja Católica, padroeiro da Europa. Nasceu por volta do ano 480 na Núrsia, Úmbria (Itália). Era de nobre família, é quando jovem foi enviado pelos seus pais para estudar em Roma, no período em que o Império Romano entrava em decadência.

Neste período de declínio do império, havia também uma decadência espiritual e moral na sociedade romana. Diante disso o jovem desistiu de todos seus projetos humanos e se retirou nas montanhas da Úmbria para se dedicar somente a Deus.

Bento passou três anos isolados na montanha, onde se dedicava a oração, meditação e exercícios para alcançar a santidade. Depois destes anos, o santo começou a atrair ao local outros discípulos de Jesus, monges como ele. E desta forma nasceu o célebre mosteiro de Monte Cassino, em 529.

Os monges do Monte Cassino eram comprometidos com o voto de pobreza, do amor a Deus e ao trabalho, os monges eram um exemplo prosperidade e prestigio. O lema do mosteiro era Rezar e Trabalhar.

A comunidade formada no mosteiro deu origem a Ordem Beneditina, a mais antiga da Igreja Católica, e responsável pela criação do movimento monástico.

São Bento morreu com 67 anos de idade, no dia 21 de março do ano 547.

Oração de São Bento

A oração de São Bento é uma muito especial e forte, ela é feita para pedir proteção contra os ataques do mal, e que todas as desgraças, corporais e espirituais se afastam de nossas vidas.

Oração

Ó glorioso Patriarca São Bento, que vos mostrastes sempre compassivo com os necessitados, fazei que também nós, recorrendo a vossa poderosa intercessão, obtenhamos auxílio em todas as nossas aflições. Que nas famílias reine a paz e a tranquilidade; afastem-se todas as desgraças, tanto corporais como espirituais, especialmente o pecado. Alcançai do Senhor a graça que vos suplicamos, obtendo-nos finalmente que, ao terminar nossa vista neste vale de lágrimas, possamos louvar a Deus.

Oremos: A Cruz Sagrada seja minha luz, Não seja o dragão o meu guia, retira-te satanás. Nunca me aconselhes coisas vãs, e mau que tu me ofereces, bebe tu mesmo os teus venenos.

Amém